+Notícias

Campanha do CBMGO e do Hemocentro cadastra 276 doadores de medula óssea em Uruaçu

Duzentos e setenta e seis pessoas atenderam ao chamado do Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBMGO) e do Hemocentro e se cadastraram como doadores de medula óssea em Uruaçu. Um posto de coleta foi montado no centro da cidade. A ideia da campanha é estimular a população a fazer parte do cadastro do Registro Brasileiro de Doadores Voluntários de Medula Óssea (Redome). Para realizar o teste é fácil, basta comparecer ao posto, ter entre 18 e 54 anos, e coletar de 5 a 10 ml de sangue. O teste de compatibilidade dura apenas 15 minutos. Em Uruaçu, foi montado em paralelo uma campanha de doação de sangue. Foram coletadas 150 bolsas de sangue.

A campanha para estimular a doação de medula óssea foi montada para tentar encontrar um doador compatível com a Soldado Suzeli, que sofria de leucemia e faleceu na terça-feira, dia 27 de maio. Como forma de homenagear a militar e para apoiar as milhares de pessoas que também aguardam um transplante, o Corpo de Bombeiros Militar continuará com o trabalho. Encontrar um doador de medula óssea compatível fora da família é muito raro. O transplante de medula é a melhor chance de cura para as chamadas “doenças do sangue”. A mais comum é a leucemia, um tipo de câncer que afeta a produção dos glóbulos brancos – células responsáveis pela defesa do organismo. Outras cidades do estado receberão os postos da campanha. Confira fotos da ação em Uruaçu:

Botão Voltar ao topo
Skip to content