Bombeiros de Iporá atendem ocorrência em espaço confinado com cinco vítimas

Compartilhar:

 

Na manhã de quinta-feira, dia 24, o 7º Pelotão Bombeiro Militar, em Iporá, foi acionado para atender duas vítimas inconscientes dentro de uma caixa d’água metálica em uma serralheria da cidade. Ao chegar ao local, foi constatado que um dos funcionários tinha perdido a consciência enquanto pintava a parte interna do aparato. Ao tentar ajudar a vítimas, os outros companheiros de trabalho entraram no lugar e também perderam a consciência. No total, havia no local quatro vítimas inconscientes. Uma quinta vítima conseguiu retirar um dos homens de dentro da caixa, mas também se intoxicou.

No local, dois Bombeiros da guarnição, equipados com aparelhos de proteção respiratória, fizeram retirada das outras três vítimas. Devido ao espaço reduzido, um bombeiro entrou amarrado a um cabo e o outro ficou na saída apoiando a retirada. Todas as vítimas estavam com a função respiratória extremamente comprometida e sinais vitais fracos. No total foram cinco atendimentos sendo que quatro foram retirados de dentro do espaço confinado. As vítimas foram levadas para o pronto socorro de Iporá pelo SAMU e pelo Corpo de Bombeiros Militar.

O trabalho em ambiente confinado é por sua natureza de extrema dificuldade e risco. Nesta ocorrência, a dimensão  de acesso também era reduzida, tratando-se de orifício circular com cerca de 60 cm de diâmetro. Dentro do objeto a altura forçou com que os bombeiros trabalhassem curvados, aumentando o esforço e a dificuldade do resgate. Participaram da ocorrência os militares, Tenente Rafael, Cabo Samuel, Soldado Heverton, Soldado Limiro, Soldado Cesar Macedo, Soldado J. Barbosa. Confira fotos: